Pesquisar este blog

sábado, 17 de janeiro de 2009

A melhor época

As vezes eu sinto como se alguma coisa estivesse bem diferente, mas eu prefiro acreditar que isso é só coisa da minha imaginação.
Hoje eu limpei gavetas, mexi nos livros e coloquei pra fora o que já não me servia mais, o sentimento de que alguma coisa foi perdida, de que as lembranças foram junto com o lixo jogado para fora, o passado me marcou demais, a infância pura e onde tudo tinha graça, os aniversário, os natais as festas de ano novo, eita datas boas, esperadas e curtidas com a maior intensidade possível. Agora tudo não tem a mesma freqüência, aquele auge de felicidade quando o momento acontecia. Aii!!, como era bom ganhar presentes, sentar no chão e passar tardes falando e brincando como se não existisse mais nada no mundo alem de mim e o meu universo, trocar, carregar, balançar, fazer dormir as bonecas das quais criavam vida quando se tornavam a Bianca, a Tamires, a Fernanda, os nomes mais usados por mim para colocar nas minhas bonecas. E os dias em que a paciência estava favorecida e eu montava a casa toda da Barbie, levava horas colocando as pecinhas minúsculas pra depois de alguns minutos já estar enjoada e resolver guardar tudo.
E não pensem que naquela época o espírito de adulto já não floria sim ele já se fazia presente em mim, pois eu queria ser secretária, professora, farmacêutica, médica, e ate vendedora ambulante, eu já fui, no meu mundo fictício claro.
Muitas coisas na época de criança tinham muito mais vivacidade do que atualmente, as idas ao shopping ou fazer compra momentos esses dos quais eu colocava os meus mais bonitos vestidinhos e sapatos, sim naquela época eu usava e amava vestido, se fosse colorido e cor de rosa, melhor ainda. E quando ia chegando perto do aniversário, do dia das crianças e do natal, eu passava horas olhando as revistinhas das lojas de brinquedos, só para escolher qual eu ia pedir.
As brincadeiras na rua: mãe da rua, stop, piquenique, pega-pega, esconde-esconde, policia e ladrão, uma infinidades de brincadeiras, folias que faziam ate quando eu era "café com leite", apesar de odiar, dos meus dias os mais felizes possíveis.
O colo da mãe, do pai, as brigas com o irmão, as idas na casa da minha tia, as brincadeiras com meus primos, a casa cheia de gente pra brinca, e eu sempre na casa das meninas depois da escola pra fazer aquela bagunça todas juntas.
Os meus aniversários, Ahhh, os meus aniversários, casa cheia, salgadinhos, pãozinho, tubaína, criançada, docinhos, tanque cheio de gelo e refrigerantes, parentes, amigos, conhecidos, e que festança, todo ano, lambada na vitrola e o rebolado na sala mesmo, a reunião era garantida e a alegria também.
Em cada etapa da vida existem momentos felizes, alguns não tão felizes assim, mais todos que ficam guardados tão bem em algum lugar que gente nunca esquece eles. Atualmente eu diria que a minha infância foi a época mais feliz da minha vida, apesar de que cada fase possui o seu mistério, o seu sabor e a sua alegria. Mas a infância é aquela mais inocente, mais pura, que a gente vive com mais intensidade, pois não se preocupa com nada, não pensa em nada, brinca, ri, faz coisas sem querer saber se amanhã estará igual a hoje apenas faz, conversa, chora na frente de todo mundo, dança, canta, pula, grita e não está nem ai pra quem esta olhando, na infância os atos por menores que sejam são sempre feitos como se fossem os últimos ou os únicos, o amanhã é só amanhã e o hoje?!. Ahhh O hoje..! Ele é vivido, revivido, porque quando crianças a gente não pensa a gente simplesmente Vive!


Até que enfim eu postei algo né?! hehe sim esse texto fui eu mesma quem fez. E na foto é eu e meu pai ^^.
beijoO0..comenta!

8 comentários:

Julio César David disse...

Nossa simplesmente nem sei o que Dizer sobre esse texto escrito por você, sei que apenas sentei me Retirei a mão do Mouse..
E Comecei a ler e ler

Julio César David disse...

Nossa Chocante isso, porque passava Horas e Horas fazendo praticamente as mesmas coisas .
Luu saudades da minha Infância ..
Nossa Tempo bom que não volta mais .. saudades saudades e saudades !
Muito Triste, mais me Lembro que aquela época eu era muito Feliz ..

Tô muito Feliz que voltou a Postar, agora eu começo também rsrs !
Saudades de você Luu !
Beeeeijão ;

Julio César David disse...

Saudades Saudades e mais Saudades de Você ;

Paulo Queiróz disse...

Luciana
Parabéns pelo texto.
Época que não volta mais.
Mas mesmo assim lembranças boas que se guarda com muito carinho.
Com esse texto comecei a lembrar minha infância, bagunças etc etc etc...
A como eramos felizes e não sabiamos.

Bjosssss

Camila disse...

Lu,

Que lindo! Você escreve muito bem.
Hoje eu estava pensando nisso, em coro tudo era mais tranquilo!

Fiquei feliz de ler seu texto e saber q eu fiz parte de algumas coisas dele, né!
=]

Amo vc!

Natalia disse...

Nossa q lindo o texto!
Com certeza sempre teremos fases felizes, mas nao igual a da infancia, pra mim tbm é a melhor parte da minha vida...Sem responsabilidades a unica que coisa que se tinha para fazer era brincar e nao ter medo de ser feliz!!!

Bjks e comenta no meu blog tbm!!!

Julio César David disse...

- Nossa Luu, seu Texto me deixo tão bem, nem sei em que sentido mais é sempre muito bom ler as coisas que você escrev, não sei explicar direito mais conforta a gente de alguma forma..
Eu me Lembro que na minha infância eu nem ligava muito para as coisas, não que agora eu ligue tanto também, mas eu andava descalso pela rua sem camisa, vivia com machucados no joelho por cair de bicicleta, rsrs, não importava muito com as coisas, eu era uma criança que aos poucos foid eixando de ser, deixando de sonhar muito cedo ..
Vivendo e crescendo, começando a ganhar mais responsabilidades, algo que muitos de meus amigos ainda não tinham..
Ahh Lu como foi dificíl minha infância mais confesso pra você que foi a melhor época da minha Vida, e enxo meus olhos de lágrimas ao falar disso tudo.
Me Lembro quenão gostava muito de brincar com a minha irmã, já que el também nunca gostava de brincar comigo, e pra não me sentir tanto rejeitado eu brincava com ela, só pra depois saber que ela brincaria comigo.
Brincava até de boneca, onde ela pegava aquelas Barbies que ela tinha e eu tinha que ser o '' Ken '' ah não era muto legal não, mais depois de tudo vinha a recompensa, ela brincava de carrinho comigo !
Lúu concordo tanto com você, sem Dúvidas a nossa Infância sempre trás muitas lembranças e saudades..
Lúu vamos Postar mais to sempre de olho no seu Blog Linda, cheio de Esperanças pra ver uma nova Postagem pra eu Comentar ..

Beeeijão Linda !

Suéllen Ferraz disse...

Luu!!!
Que texto lindoo!!!
Realmente a infância é a melhor fase de nossas vidas =]
Claro que cada fase tem a sua importância mas, a infância eu acho que é a mais sincera, a mais inocente onde tudo é simples!!!
Ai ai, estamos ficando velhinhas, hehe...
ps: continue postando no blog blz.

AmoOooO Vc*

Bjão